terça-feira, 24 de Janeiro de 2012

Osvaldo “Figo” Oliveira - escancaradas portas do futebol português

O futebolista cabo-verdiano Osvaldo “Figo” Oliveira já se encontra, desde segunda-feira, 16, em Portugal e apresentou-se, terça-feira, 17, no Desportivo de Tourizense com quem assinou um contrato válído para uma época. A notícia foi revelada, segunda-feira à noite, via telefone, ao SportKriolu por Orlando Medina, empresário do jogador. Figo sagrou-se melhor marcador na Tça Independência 2011. Tourizense actua na II divisão-B da zona sul e ocupa, actualmente, a 14ª posição com 14 pontos e 15 jogos.

Orlando Medina disse que “com o projecto da criação da equipa-B, o Benfica mostrou-se interessado no futebolista, assim como o Olhanense. Mas por ora, rumamos, amanhã (terça-feira), para Tourizense com quem tem um contrato para esta época, depois veremos”.

Equipa satélie do Portimonense, o Tourizense possui um plantel muito jovem, entre os quais um cabo-verdiano (Valdo), dois angolanos e quatro brasileiros. A equipa joga, domingo, 22, frente ao Pinhalnovense.

Osvaldo Oliveira, conhecido nos relvados cabo-verdianos por Figo, começou a jogar futebol aos 16 anos na equipa do Beira-Mar da região desportiva de Santiago Norte, onde se sagrou vice-campeão. Teve uma breve passagem pela Académica da Praia (2008), ainda muito jovem. Não se adptou às pressões do futebol da capital, preferindo o regresso às origens.

Mais precisamente para Barcelona local. Mas amadurecido, passou pelo Sporting da Praia onde conquistou, desta vez, um lugar entre os eleitos do então técnico leonino Felisberto Cardoso. Foi campeão pelo Sporting. Então começou a ambição de experimentar outras latitudes e o profissionalismo.

Não chegou ao acordo para sua continuidade no Sporting e tentou uma frustrante partida para o futebol luso, precisamente para Mafra, que a falta de visto impossibilitou.

Desgostoso, Figo ingressa ao plantel do Estrela, uma formação de Santiago Norte, na época 2010/11. A sua actuação voltou a aguçar a cobiça do Sporting, mas também do Boavista (Santiago Sul) e até do Mindelense (São Vicente). As negociações não foram avante. O jogador tinha outras ambições, testar as suas potencialidades que são muitas num futebol mais profissional e exigente que lhe dêpossibilidades de estar na selecção de Cabo Verde.

“A ambição é jogar fora do país. Já joguei no arquipélago ao mais alto nível, caso do Campeoanto Nacional e a Taça Independência em Futebol. Aqui já atingi os meus objectivos. Espero agora dar um passo maior, um passo de gigante” – disse Osvaldo Oliveira ao SportKriolu no início da época para acrescentar que “todo o trabalho que faço tem um objectivo: chegar à selecção de Cabo Verde. Se aparecer oportunidade pode ter a certeza que não a deixo escapar”.

Este novo percurso é a primeira fase fora de portas de um futebolista cabo-verdiano que sonha com altos voos e admirador confesso de Luís Figo: “É um jogador de quem gostei muito. Ainda hoje é, para mim, o melhor do mundo. Nos jogos não oficias, dizia sempre aos meus colegas que era o Figo e o nome ficou sem dar por ele, por isso tenho por empréstimo o nome”, finalizou.

Agora precisa de muita sorte e um trabalho árduo para trilhar o caminho de sucesso que não é nada fácil no futebol profissional.

Escrito por Antonio Tavares in
http://www.sportkriolu.com/

quinta-feira, 23 de Setembro de 2010

Campeão Samir Silva procura a arte do lançamento de peso: In www.sportkriolu.com/

O actual campeão de Cabo Verde em lançamento de peso dá-se pelo nome de Samir de Jesus Gomes Silva e procura apossar-se da arte na disciplina que pratica.

Arrebatou o título cabo-verdiano projectando o peso a uma distância de 11,05 metros, nos campeonatos de Cabo Verde de atletismo, realizados nos finais de Agosto na ilha do Sal. É polícia de profissão e confessou ao SportKriolu que tudo o que sabe da modalidade foi fruto da pesquisa feita por ele mesmo. Matriculou-se agora na Universidade Única para licenciatura em educação física e desportos.

É autodidacta e procura todos os documentos para saber os segredos do lançamento de peso, uma disciplina pouco conhecida em Cabo Verde, país desprovido de especialista na matéria. Nos terceiros Campeonatos de Atletismo, disputados no ano passado, Samir Silva classificou-se na segunda posição e apostou tudo para arrancar o título esta época.

Tem plena consciência de que as suas potencialidades não estão a ser exploradas na máxima força devido aos vícios técnicos que impregnam os seus movimentos. De facto, quem faz treinos por si só, numa modalidade que exige muita técnica e uma orientação específica, corre esses riscos.

“A minha maior ambição é encontrar alguém que entenda bem de lançamento de peso, não exijo que seja um especialista, para ser meu treinador. Tenho a certeza que os dois ficaríamos a ganhar. Tenho vontade e é a minha modalidade preferida. Tenho a certeza que com os movimentos correctos a minha marca subirá satisfatoriamente” – argumentou.

Desde criança traz no sangue o bicho da modalidade. O gosto do desporto herdou-o do pai que amava o culturismo. Há dois anos que pratica o lançamento de peso, com o apoio do seu superior hierárquico na Polícia Nacional.

“Sei que a marca que consegui na ilha do Sal pode ser bom para Cabo Verde, mas é insuficiente para competir lá fora, por exemplo a nível da CPLP. Acho que posso atingir outros patamares se tiver um professor especialista nesta matéria. O meu título é pouco para a minha ambição. Desejo ir mais longe, mesmo que seja só para apoiar mais tarde os jovens de Tarrafal (Santiago). Temos lá muitas potencialidades que não passam disso mesmo, porque não têm hipóteses de mostrar o dom que têm” – reforçou.

É agente policial há 11 anos e fala da profissão com gosto. Revelou que a corporação policial cabo-verdiana tem no seu seio outros campeões como o dos 200 metros. “O nosso problema é de facto um treinador, pois apoio não nos falta” – assegurou pesaroso.

“Não é de agora que falamos num clube na polícia, para praticarmos as várias modalidades e até mesmo o futebol” – afirmou numa conversa amena em que a educação física veio à baila e opina que se deve dar maior importância à educação física nas escolas.

“Este ano matriculei-me na universidade Única. Sempre pensei em educação física e quero estudar para dar o meu contributo ao desporto” – afirmou categoricamente.

Confessou a disponibilidade da Federação de Atletismo em o apoiar. Mas reconhece que ela não possui disponibilidade financeira para isso, já que não existe no país um especialista em lançamento de peso.

“Disseram que apoiam dentro das suas possibilidades, acredito nisso. Mas sabemos que nem a Federação nem a Associação tem recursos financeiros para isso. Prova disso é o facto do prémio para um campeão nacional ser de apenas 30 mil escudos (270 euros). Para mim é pouco para um campeão, mesmo que seja à dimensão de Cabo Verde. Pois um campeão é um campeão em qualquer parte do mundo” – asseverou entendendo as dificuldades financeiras do país.

Trata-se de mais um atleta ambicioso e ansioso de ver o desporto do país a evoluir e seus desportistas a competir de igual para igual com outros campeões. Samir Silva, com 32 anos, vai conseguir o especialista que tanto procura? Ou vai ficar com dúvidas sobre as suas reais potencialidades por falta de meios adequados para rentabilizar as capacidades que julga ter para o lançamento de peso.
Fonte: http://www.sportkriolu.com/

terça-feira, 31 de Agosto de 2010

Direcção de Barcelona Felicita Batman

A Direcção do Barcelona, tirou um comunicado, onde felicita o campeão de Cabo Verde Samir Silva (BATMAN), pelos resultados alcançados e pela performance incrível que alcançou em 1 ano de atletismo.
De recordar que Batman foi vice-campeão no ano passado e este ano brilhou o nome de Tarrafal nos céus de Cabo Verde, ao tornar-se num campeão digno da sua terra, victoria esta que foi noticiada na televisão e na rádio de CV.

Batman é um Tarrafalense nato, que ama seu povo e a aldeia onde o viu nascer e crescer.Todos se recordam do menino Batman, cujo irmão é Hulk e pai Zé Manel de Tiadora, todos eles de fisico bem definido,robusto e atlético. Barcelona dá toda força a esta familia e manda um carinho especial á mãe de Samir, por produzir um campeão, que nos orgulha a todos os Tarrafalenses.

Vice-presidente,
Paulo Ferreira.

segunda-feira, 30 de Agosto de 2010

Batman campeão nacional no lançamento do peso 2010

Samir Silva, mais conhecido por Batman, natural do Concelho de Tarrafal de Santiago, sagrou-se este sábado 28 de Agosto, campeão de Cabo Verde do lançamento do peso, no campeonato nacional de atletismo, que decorreu na Ilha de Sal.

Batman conquistou a medalha de “ouro” do lançamento do peso do Campeonato nacional de atletismo, com a marca de 11m5cm com um engenho de 7 kg.

Batman é um talento e com características físicas invejáveis para o lançamento do peso, tem protagonizado uma evolução notável, ele que chegou ao atletismo há apenas um ano. Neste espaço de tempo melhorou a sua marca em mais de três metros, apesar de não ter um treinador. E promete não ficar por aqui.

Agradeço àqueles que sempre me apoiaram - disse Batman- e dedica esta vitória a todos os Tarrafalenses e especialmente aos seus familiares.

Parabéns Campeão!

sexta-feira, 6 de Agosto de 2010

Tom busca espaço no Beira-Mar de Portugal

O jogador cabo-verdiano TOM, natural do concelho do Tarrafal (Santiago) de 23 anos, iniciou um período de testes na equipa portuguesa do Beira-Mar. O médio ofensivo, destaque do Sporting da Praia no Campeonato Nacional, vai passar alguns dias a treinar com o restante do plantel aveirense e caso o técnico Leonardo Jardim o aprove, poderá assinar contrato. No próximo sábado, 14, o Beira-Mar defronta a Académica, em partida preparatória.

Fonte: Record.pt

segunda-feira, 17 de Maio de 2010

Tom chamado a selecção nacional

TOM, natural do concelho do Tarrafal (Santiago), jogador do Sporting da Praia, foi chamado mais uma vez para representar a Selecção Cabo-verdiana de futebol para o encontro amigável com a selecção portuguesa, que terá lugar no dia 24 deste mês em Covilhã.

Tom, terá assim a oportunidade de defrontar grandes jogadores, caso do Cristiano Ronaldo, Deco, Simão, Nany e companhia, um sonho para qualquer atleta.
Recorda-se que este jogo serve de preparação da equipa portuguesa, para o mundial de 2010, na África do sul.


Esta será uma grande oportunidade para este atleta mostrar o que vale. Força Tom e boa sorte!

sexta-feira, 30 de Abril de 2010

In Expresso das Ilhas: "Futebol Santiago Norte: Desleixo na última jornada do Campeonato"

A última jornada do Campeonato Regional de Futebol de Santiago Norte ficou marcada por falta de comparências.

A equipa do Desportivo de Santa Cruz não compareceu no jogo com o Bracelona do Tarrafal e no encontro Real Júnior x São Lourenço registou-se a ausência das duas equipas.

Já o Scorpions que no passado fim-de-semana tinha festejado o título, fechou da pior forma a sua participação no campeonato ao ser goleado pelo Estrela dos Amadores por sete bolas a uma.

A Associação Regional de Futebol de Santiago Norte marcou para o fim-de-semana o arranque da Taça, numa corrida contra o relógio, para que o representante da região possa marcar presença na prova nacional que arranca em meados do próximo mês.

Na primeira eliminatória jogam: Barcelona x Grémio Nhagar; São Lourenço x Garridos; Desportivo da Assomada x Real Júnior; Ajax x Beira-mar; Flor Jovem x Desportivo de Santa Cruz e Varandinha x Benfica.

29-4-2010, 11:20:15
Fonte: In Expresso das Ilhas

terça-feira, 27 de Abril de 2010

Resultados 8ª e 9ª Jornada Campeonato Regional Santiago Norte (2ª fase)

8ª Jornada

21/04/10
Estrela Amadores vs Santa Cruz 1 – 2
Barcelona vs São Lourenço Cover
Scorpion vs Real Júnior 6 – 0

9ª Jornada

24/04/10
Scorpion vs Santa Cruz 1 – 0
São Lourenço vs Estrela Amadores 2 – 2
Barcelona vs Real Júnior 2 – 1

segunda-feira, 19 de Abril de 2010

Resultados 7ª Jornada Campeonato Regional Santiago Norte (2ª fase)

17/04/10

Real Júnior vs Santa Cruz 1/3
Scorpion vs São Lourenço 7/0
Barcelona vs Estrela Amadores 1/0